Universo da Espiritualidade
xMudras para a saúdeMudras Para Atrair RiquezaMudras de ProteçãoMudras Conexão Divina
xManual de MudrasBotânica Medicinal e místicaProsperidade Através dos MantrA Natureza Contra a DepressãoLOJA
xPaz de EspíritoMeditação de Cura
xMantras de CuraMantras para a ProsperidadeMantras para Meditação
xTerapias HolísticasTerapias ChinesasEFTTécnica KarunaReiki
xCuraProteçãoPerdãoProsperidade
xSímbolos de ProteçãoSímbolos de CuraSímbolos de Prosperidade
xBotânica OcultaBotânica Medicinal
xCorpo mente e alma
xTerapias dos Chakras
Cura espiritual>Corpo mente e alma>12 SEGREDOS ORIENTAIS DE ENERGIZAÇÃO E CURA

12 SEGREDOS ORIENTAIS DE ENERGIZAÇÃO E CURA

 

Conheça técnicas bem simples de energização, que são parte da vida de chineses, hindus e japoneses há milhares de anos.

 

1) Massagem

O do-in é o chamado pronto-socorro da medicina oriental, pois a própria pessoa pode massagear pontos do corpo para amenizar dores e sentimentos de angústia e ansiedade. Especialistas falam que não se deve massagear ou pressionar diretamente locais que estão doendo. É preciso trabalhar o ponto que pode estar causando a dor. Por exemplo: para cólicas menstruais, encontre o ponto que fica a quatro dedos acima do ossinho do tornozelo (na região interna) - conforme imagem abaixo. Pressione-o de um a três minutos e repita na outra perna.

 

 

 

Para prisão de ventre e dores em geral, aperte de um a três minutos o ponto que fica no dorso das mãos, entre o indicador e o polegar (na parte gordinha da mão) - conforme imagem abaixo:

 

 

 

2) Cantar

 

 

Para os chineses, o mau humor e a irritação constantes fazem com que a energia vital seja gasta de forma errada. O resultado disso? Facilidade de adoecer e probabilidade de envelhecer mais cedo. Pessoas mal-humoradas apresentam desequilíbrio no Hun, a "alma" do fígado, e para reequilibrá-lo precisam desabafar. A melhor forma de fazer isso, segundo eles, é cantar. A teoria foi assimilada rapidamente pelos japoneses, tanto que o karaokê virou uma das grandes diversões desse povo

 

 

3) Respirar

Os orientais acreditam que podemos controlar sentimentos e emoções por meio da respiração abdominal. "Se estamos com raiva e respiramos quatro vezes, oxigenamos o cérebro, que passa a fazer conexões com maior facilidade", explica o dr. Norvan Leite, do Colégio Médico de Acupuntura. "Para saber se está fazendo a respiração abdominal, esvazie completamente o peito e coloque uma mão sobre o abdômen. Agora, inspire pelo nariz estufando a barriga com ar, de modo que ela empurre sua mão. Por fim, solte o ar pelo nariz  e não pela boca e recomece."

 

 

 

4) Tiger Balm

Uma pequena lata de metal guarda os segredos do Tiger Balm, pomada chinesa à base de cânfora, mentol e óleo de menta. Há tempos ela é usada para aliviar a dor de cabeça, o mal-estar provocado por resfriados e a ardência de picadas de mosquito. Ainda tem efeito relaxante e revitalizante. Se você passa muito tempo na mesma posição, experimente esfregar um pouquinho do produto nas têmporas ou no pescoço.

 

 

 

5) Orim tibetano

O orim tibetano, encontrado em lojas de produtos esotéricos e naturais, é uma espécie de tambor muito usado pelos monges budistas para ajudar na meditação. Sua vibração emite o som do mantra om que, segundo os orientais, traz paz, equilíbrio e saúde

 

  

6) Qi Gong

O grande remédio dos hospitais da China não faz parte da lista dos nomes que terminam em ina. O Qi Gong (pronuncia-se chi kung) é uma atividade física que os doentes praticam todos os dias durante dez ou vinte minutos, para melhorar a energia vital. Os exercícios, leves, trabalham postura e respiração, relaxam e favorecem a meditação. Os benefícios são tantos que mesmo pessoas saudáveis têm o hábito de praticar a ginástica. Na China existem mais de 200 escolas de Qi Gong. "Ela ajuda no controle da pressão arterial e no estímulo da circulação do sangue, dá maior resistência física, melhora o sono, alivia as dores de hérnia de disco e artrose e melhora os sintomas da depressão", garante Norvan Leite.

 



 

7) Bolinha metal chinesa

Para relaxar e massagear os pés e as mãos, os orientais recorrem a duas bolinhas de metal, encontradas em casas de produtos esotéricos, que emitem som quando manipuladas. Segundo o acupunturista Augusto Barreti, é possível estimular órgãos, como pulmões e coração, pressionando as bolinhas orientais na palma das mãos.

 

  

8) Ginseng

O ginseng é um verdadeiro tônico. Há séculos é usado pelos chineses para aumentar a vitalidade e dar mais energia. Além disso, é indicado para os casos de convalescença. "A planta ajuda a repor as perdas provocadas pela doença", diz o médico e acupunturista Ricardo Basseto. Mas atenção: pessoas muito calorentas, agitadas ou explosivas devem evitá-la, porque ela pode acentuar esses sintomas.

 

 

9) Banho

Segundo a medicina tradicional chinesa, o banho quente dispersa a energia de defesa (Wei Qi) que circula pela superfície do nosso corpo. Assim ficamos mais propensos a contrair doenças. É por isso que eles recomendam o banho de morno a frio, que, além de evitar que a Wei Qi se dissipe, aumenta a disposição física e a libido.

 

 

10) Meditação

Meditar diariamente durante vinte minutos libera endorfina, melhorando quadros de depressão, fobia e stress", diz Norvan Leite. Sua afirmação é baseada em estudos científicos que comprovam a ocorrência de mudança nas ondas cerebrais e na frequência cardíaca durante estados meditativos. "Existem três tipos de meditação: a concentrativa, em que a pessoa pode repetir um mantra ou se concentrar na respiração; a de atentividade, em que observa os pensamentos; e a mista, que une as duas técnicas", diz Norvan, que sugere começar com a mista, durante cinco minutos por dia, e aumentar o tempo, como se estivesse fazendo um condicionamento cerebral.

 

  

11) Massagem no pé

A planta dos pés, segundo os chineses, traz um mapa perfeito de todo o corpo. "Com base nesse princípio nasceu, há milhares de anos, a reflexologia, método que consiste na pressão de pontos nos pés para desbloquear e liberar o fluxo de energia e prevenir doenças", esclarece Carlos Marcílio Vieira, reflexologista da Escola Oriental de Massagem e Acupuntura (Eoma), em São Paulo. "A manipulação promove um relaxamento profundo e sensação de bem-estar, ameniza os sintomas da tensão pré-menstrual e as dores de cabeça e na coluna. Só não é indicada para gestantes, pois alguns pontos podem ser abortivos", completa. Quer experimentar? Para aliviar a dor de cabeça e relaxar os ombros e o pescoço, siga os seguintes passos: massageie a sola do pé com os polegares. Faça pressão e em seguida solte. Depois, estimule o dedão e a ponta dos outros dedos.

 

 

12) Yoga

Que tal experimentar uma sensação de vigor agora mesmo? Tente este exercício: de pé, com as pernas juntas, inspire profundamente elevando os braços acima da cabeça. Em seguida, solte o ar flexionando o tronco para a frente e soltando os braços. Essa é uma posição da ioga que estimula os rins, o fígado e o pâncreas e aumenta a energia sexual. A prática surgiu há milhares de anos, na Índia, e, mais do que um exercício, é uma filosofia de vida. Seus movimentos equilibram o sistema digestivo, circulatório e nervoso, além de deixar a musculatura forte e o corpo flexível.

 

 

 

 

Namastê!

Equipe Universo da Espiritualidade

Fonte: cosmopolitan

 

Querido Irmão de Jornada, se você gostou deste artigo, poderá gostar de nosso Curso de Mudra. Clique na imagem abaixo: