Universo da Espiritualidade
xMudras para a saúdeMudras Para Atrair RiquezaMudras de ProteçãoMudras Conexão Divina
xManual de MudrasBotânica Medicinal e místicaProsperidade Através dos MantrA Natureza Contra a DepressãoLOJA
xPaz de EspíritoMeditação de Cura
xMantras de CuraMantras para a ProsperidadeMantras para Meditação
xTerapias HolísticasTerapias ChinesasEFTTécnica KarunaReiki
xCuraProteçãoPerdãoProsperidade
xSímbolos de ProteçãoSímbolos de CuraSímbolos de Prosperidade
xBotânica OcultaBotânica Medicinal
xCorpo mente e alma
xTerapias dos Chakras
Plantas>Botânica Oculta>AÇAFRÃO: A ESPECIARIA PODEROSA QUE DESCALCIFICA A GLÂNDULA PINEAL

AÇAFRÃO: A ESPECIARIA PODEROSA QUE DESCALCIFICA A GLÂNDULA PINEAL

 

O conceito, agora difundido no Ocidente, que a glândula pineal é o terceiro olho, ou centro espiritual, vem da Índia e do sistema de classificação anatômica dos chakras, (e em parte também por Descartes que referia-se a ela como a localização da alma.

 

A cúrcuma (conhecida aqui no Brasil como açafrão da terra) tem muitos usos medicinais e recentemente foi incorporada como suplemento para estimular o sistema imunológico e para tratar a depressão.

 


 

A cúrcuma é um dos mais potentes antioxidantes naturais e anti-inflamatórios do mundo.

 

Um estudo científico publicado na revista Farmacognosia mostra que a cúrcuma pode reverter os efeitos neurotóxicos do flúor, um composto comumente usado no creme dental e abastecimento de água em muitas cidades. 

 

Além dos efeitos tóxicos, o flúor, quando usado em altas doses, pode gerar osteoporose e muitas outras doenças. 

 

O flúor ou sais de ácido fluorídrico, contribui para a calcificação da glândula pineal, um fenômeno que ocorre na maior parte dos adultos e em alguns casos, desde a infância. A calcificação da glândula pineal pode acarretar em doenças neurodegenerativas, como a doença de Alzheimer.

 

 

Pesquisadores da Universidade de Sukhadia, na Índia  afirmam que o flúor é provavelmente o primeiro íon inorgânico a atrair a atenção da comunidade científica por seus efeitos tóxicos na água potável. 

 

 

A suplementação com cúrcuma reduz significativamente os níveis tóxicos do Flúor uma vez que, aumenta a defesa antioxidante.

 

A glândula pineal produz a melatonina, hormônio responsável pela regulação do sono e muito possivelmente o DMT, molécula endógena utilizada para fins medicinais em preparações como ayahuasca. Assim, certamente a glândula pineal desempenha um papel na parte visual do cérebro: as visões interiores.

 

 

Outro outro estudo científico concluiu que a cúrcuma é tão eficaz quanto os medicamentos antidepressivos. Uma concentração de BCM-95 desta espécie pode ser utilizada para tratar a depressão, sem os efeitos colaterais normalmente associados com os antidepressivos, tais como a perda de libido. 

 

A cúrcuma pode ser tão, ou mais eficaz do que o uso de 5-HTP, para tratamento da depressão.

Para melhor absorção, é recomendado que a cúrcuma, ou o seu ingrediente ativo, a curcumina, seja usada em conjunto com a pimenta preta ou o ingrediente ativo da pimenta, a piperina. 

 A cúrcuma tem sido tradicionalmente usada na Índia há milênios. 

 

Namastê!

Por Nina Greguer 

Fonte: ayurvedatibetano

 

Querido Irmão de Jornada, se você gostou desse artigo poderá gostar de nosso Manual de Botânica Oculta  e medicinal. Clique no livro abaixo.