Universo da Espiritualidade
xMudras para a saúdeMudras Para Atrair RiquezaMudras de ProteçãoMudras Conexão Divina
xManual de MudrasBotânica Medicinal e místicaProsperidade Através dos MantrA Natureza Contra a DepressãoLOJA
xPaz de EspíritoMeditação de Cura
xMantras de CuraMantras para a ProsperidadeMantras para Meditação
xTerapias HolísticasTerapias ChinesasEFTTécnica KarunaReiki
xCuraProteçãoPerdãoProsperidade
xSímbolos de ProteçãoSímbolos de CuraSímbolos de Prosperidade
xBotânica OcultaBotânica Medicinal
xCorpo mente e alma
xTerapias dos Chakras
Mantras>Mantras para a Prosperidade>CONHEÇA O SALMO DA PROTEÇÃO, DA PROSPERIDADE E DA VITÓRIA

CONHEÇA O SALMO DA PROTEÇÃO, DA PROSPERIDADE E DA VITÓRIA

 

 Assim como todos os salmos, este é um tipo de mantra, onde os sons de suas palavras são repletos de poder. Dessa forma, quando este Salmo é lido em voz alta e com fé é uma forma de conduzir esse poder para você mesmo. 



 Assim, sempre que tiver problemas de ordem material, você deverá ler este Salmo por uma semana ou, até receber o auxílio esperado. Você também poderá recorrer a esse salmo sempre que precisar de proteção para você e sua família.



Para se apropriar da energia desse Salmo você deverá repeti-lo diariamente, durante uma semana, cada vez que defrontar com um problema de natureza material ou atravessar um momento de fraqueza. A força desse salmo mudará o ambiente ao seu redor, eliminando as dificuldades e atraindo a fartura.

 

 

SALMO 104

“Bendiga ao Senhor a minha alma! Ó Senhor, meu Deus, tu és tão grandioso! Estás vestido de majestade e esplendor!

Envolto de luz como numa veste, ele estende os céus como uma cortina.

Põe sobre as águas dos céus as vigas dos seus aposentos. Faz das nuvens a sua carruagem e cavalga nas asas do vento.

Faz dos ventos seus mensageiros e dos clarões reluzentes seus ministros.

Ele firmou a terra sobre os seus fundamentos para que jamais se abale.

Com as torrentes do abismo a cobriste, como se fossem uma veste; as águas subiram acima dos montes.

Diante da tua repreensão as águas fugiram, puseram-se em fuga ao som do teu trovão.

Subiram pelos montes e escorreram pelos vales, para os lugares que tu lhes designaste.

Estabeleceste um limite que não podem ultrapassar; jamais tornarão a cobrir a terra.

Fazes jorrar as nascentes nos vales e as águas correm entre os montes;"

Salmos 104:1-10

 

Namastê! 

Nina Greguer