Universo da Espiritualidade
xMudras para a saúdeMudras Para Atrair RiquezaMudras de ProteçãoMudras Conexão Divina
xManual de MudrasBotânica Medicinal e místicaProsperidade Através dos MantrA Natureza Contra a DepressãoLOJA
xPaz de EspíritoMeditação de Cura
xMantras de CuraMantras para a ProsperidadeMantras para Meditação
xTerapias HolísticasTerapias ChinesasEFTTécnica KarunaReiki
xCuraProteçãoPerdãoProsperidade
xSímbolos de ProteçãoSímbolos de CuraSímbolos de Prosperidade
xBotânica OcultaBotânica Medicinal
xCorpo mente e alma
xTerapias dos Chakras
Meditação>Meditação de Cura>MEDITAÇÃO: 7 PASSOS PARA A PURIFICAÇÃO DA MENTE

MEDITAÇÃO: 7 PASSOS PARA A PURIFICAÇÃO DA MENTE

 

O stress tem sido um mau companheiro da atualidade. Aprender a libertar a mente pode ser um grande passo para a cura interior. Estes sete passos fantásticos podem ser trazidos para o cotidiano para serem aplicados todos os dias. A purificação da mente é uma fantástica maneira de ter uma vida saudável tanto a nível físico, quanto a nível mental e espiritual.

 

Durante a meditação, as energias do organismo naturalmente começam a se canalizar na coluna e subir pelo seu interior. Esta conexão cria um elo entre a mente e o corpo, e o ser em sua totalidade começa a ser a parte controladora das emoções e ações. Quando temos o controle sobre o agir e o pensar, cria-se a própria autonomia vital.

 

Para a purificação da mente e para que as energias possam fluir por todo o corpo é necessário buscar uma postura correta. Independentemente da postura escolhida, a coisa mais importante é que a coluna esteja ereta e não apoiada em nada.

 

 

Essas são as sete posturas básicas para a prática da purificação da mente

 

 

 

1) A postura de lótus: A postura de lótus é comprovadamente a melhor pratica sentada. O lótus completo é uma postura de pernas cruzadas em que os pés ficam sobre as coxas, logo acima dos joelhos. O meio-lótus é uma postura de pernas cruzadas em que apenas um pé é colocado sobre a coxa, o outro descansa no chão.

 

2) Posição das mãos: As mãos devem repousar confortavelmente no colo, com o dorso de uma sobre a palma da outra. A ponta dos polegares deve se tocar levemente, formando o mudra da meditação. Esse gesto é ótimo para a circulação de energias do organismo.

 

 

3) Posição da coluna: A coluna é o principal centro nervoso do corpo, onde as energias das extremidades se reúnem, e, portanto, é importante que ela fique ereta durante a meditação. Quem tem costas fracas ou não está habituado a sentar-se sem apoio talvez necessite de algum tempo para se acostumar.

 

4) Posição dos ombros e do peito: Os ombros devem ficar confortavelmente abertos, que permita o relaxamento do peito e deixe a respiração fluir suavemente.

 

5) Posição do pescoço e da cabeça: Manter a cabeça e o pescoço eretos. Se a cabeça ficar demasiadamente inclinada para frente, a circulação no pescoço será prejudicada. Em uma visão lateral, as orelhas devem estar alinhadas diretamente sobre os ombros. Dessa forma, a inspiração poderá fluir suavemente pelo nariz em seu caminho para os pulmões e a circulação por todo o abdomem e pela cavidade torácica será excelente.

 

6) Boca: Os maxilares e os lábios devem ficar levemente fechados. A ponta da língua será mantida suavemente atrás dos dentes superiores.

 

7) Olhos: Deixem os olhos ligeiramente abertos e fixem o olhar em um ponto imaginário à sua frente numa distância de no máximo um metro. Assim, evita-se a sonolência.

 

Ester de Susan. Aloha!

Fonte Pesquisada: Livro- Purificando a Mente –Mestre Hsing Yün.

 

Querido Irmão de Jornada, se você gostou deste artigo, poderá gostar de nosso Curso de Mudra. Clique na imagem abaixo: